Amizade abalada: Daniel Vilela não falou com Mendanha desde sua saída do MDB

Ex-emedebista deixou o partido em clima de pouca cordialidade após sigla se aliar ao governador Ronaldo Caiado (DEM)

Durante evento regional do MDB em Anápolis na manhã deste sábado, 4, o presidente do MDB em Goiás, Daniel Vilela, afirmou que não tem tido nenhum tipo de contato com Gustavo Mendanha (sem partido), desde que o prefeito de Aparecida de Goiânia deixou a sigla.

Mendanha saiu oficialmente do partido no dia 28 de setembro, após o MDB formalizar aliança com o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), para o próximo pleito.

“Não tenho tido nenhum relacionamento com o Mendanha depois que ele deixou o partido. Ele tem tentado construir sua candidatura em outros partidos, então não tenho tido nenhum relacionamento”, declarou Daniel Vilela à imprensa.

Mendanha saiu do MDB em clima de pouca cordialidade. Uma semana antes de sua desfiliação, 146 de 160 diretórios municipais emedebistas haviam aprovado a aliança da sigla com o governador do Estado, para participar da chapa à reeleição, o que foi uma derrota para as pretensões do agora ex-filiado, que é pré-candidato ao governo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.