Alexandre Prudente é preferido ao cargo de vice-presidente da OAB-GO na eleição desta quinta-feira (26/2)

Com dois candidatos até o momento, votação será acirrada, mas Alexandre é o nome do presidente Enil Henrique. Órgão também elegerá secretário-geral adjunto

Alexandre Prudente Marques e Antônio Carlos Monteiro da Silva , candidatos para vice-presidente; Otávio Forte, uníco candidato ao cargo de diretor-adjunto / Foto: Montagem

Alexandre Prudente Marques e Antônio Carlos Monteiro da Silva , candidatos para vice-presidente; Otávio Forte, único candidato ao cargo de diretor-adjunto / Foto: Montagem

Ocorrerá na próxima quinta-feira (26/2), as eleições indiretas para os cargos de vice-presidente e secretário-geral adjunto da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção de Goiás (OAB-GO), às 17 horas. A votação iria acontecer somente na próxima quarta-feira (4/3), mas uma sessão extraordinária foi convocada para adiantar o processo.

Os cargos a serem preenchidos eram dos advogados Sebastião Macalé, que renunciou no último dia 12, e de Márcia Queiroz Nascimento, que deixou a posição de diretora-adjunta no dia 11 para assumir o cargo de diretora-tesoureira, que era do atual presidente Enil Henrique de Souza Filho.

Estão concorrendo aos cargos de vice Alexandre Prudente Marques e Antônio Carlos Monteiro da Silva, sendo que este segundo é de Rio Verde. Antônio vem para representar os conselheiros de Rio Verde e da Associação dos Advogados Trabalhistas. Caso ganhe, será o primeiro conselheiro de uma cidade do interior de Goiás a ser parte da direção da OAB.

Para o cargo de diretor-adjunto, antes ocupado por Márcia, o presidente da Comissão de Direito Constitucional Otávio Forte é até o momento o único candidato.

Podem votar todos do conselho, constituído por 80 integrantes, além de quatro conselheiros natos — Felicíssimo Sena, Ismar Estulano, Luiz Francisco Guedes e Otaviano de Miranda.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.