AirAsia: primeira vítima de acidente com avião é identificada

A vítima é a aeromoça Khairunisa Haidar Fauzi, um dos sete corpos recuperados nas operações de resgate

As autoridades indonésias identificaram nesta quinta-feira (1º/1) a primeira vítima do avião da AirAsia que desapareceu no domingo (28) com 162 pessoas a bordo. As buscas para encontrar as caixas-pretas da aeronave  prosseguem.

A vítima é a aeromoça Khairunisa Haidar Fauzi, um dos sete corpos recuperados nas operações de resgate. As difíceis condições no Mar de Java estão atrasando as operações de resgate. Khairunisa, de 22 anos, foi encontrada com o uniforme vermelho da companhia aérea.

Mais cinco corpos estão no Hospital de Surabaya, na Ilha de Java, onde vários familiares de vítimas aguardam a realização de testes de DNA.

Dezenas de navios e aviões dos Estados Unidos, da Austrália, da Malásia, de Cingapura, da China, da Rússia e da Indonésia participam das operações de resgate e de busca. As equipes ainda não encontraram a parte central do Airbus 320-200 e nem as caixas-pretas, apenas pedaços do aparelho.

As autoridades estimam que o avião esteja entre 30 e 50 metros de profundidade, ao sul da Ilha de Bornéu.

O Airbus da AirAsia decolou no domingo da cidade indonésia de Surabaya e tinha aterrissagem prevista para cerca de duas horas depois em Cingapura, mas desapareceu 40 minutos após a decolagem no Mar de Java. A bordo seguiam 155 indonésios, três sul-coreanos, um britânico, um francês, um malaio e um cingapurense.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.