Ahpaceg prepara dados sobre oferta e ocupação de leitos para Câmara Municipal

Em comunicado, associação aprovou interesse do legislativo em investigar evolução da pandemia

Sala de cirurgia de um dos hospitais associados da Ahpaceg | Foto: Reprodução

Na última segunda-feira, 22, a Câmara Municipal de Goiânia solicitou à Associação dos Hospitais Privados de Alta Complexidade do Estado de Goiás (Ahpaceg) informações sobre a oferta e ocupação de leitos em hospitais associados.

De acordo com a associação, os dados incluem não apenas as instituições de Goiânia, conforme solicitado, mas também do interior do Estado e abrangem os leitos comuns e de Unidade de Terapia Intensiva exclusivos para casos suspeitos e confirmados de Covid-19 e os leitos para outros atendimentos. A Câmara solicitou apenas Goiânia e a Ahpaceg teve a iniciativa de repassar interior também.


A associação informou que os dados já eram coletados há cerca de três meses, quando a instituição decidiu realizar o monitoramento da evolução da pandemia de Covid-19 no Estado. Todo material tem divulgação no site e redes sociais da Ahpaceg, além de divulgados na mídia, site e encaminhados para instituições, como Ministério Público Estadual, além de órgãos de saúde competentes.


A Ahpaceg ainda sugere que a investigação seja ampliada a todas as instituições privadas para que cada uma possa apresentar sua rede de leitos, sua estrutura e taxa de ocupação e que o trabalho envolva também todos os setores da sociedade e dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciários que possam contribuir com esse enfrentamento da pandemia. A Câmara está se limitando a investigar alguns leitos particulares e a Ahpaceg propõe um trabalho mais amplo, com a investigação de todos os leitos/estrutura privada e do trabalho que outros órgãos/poderes estão desenvolvendo ou possam vir a fazer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.