Agropecuária goiana representa 80,4% das exportações totais do Estado em 2020

A soja é uma dos principais produtos de exportação do Estado, assim como outros grãos e carne

Plantação de soja | Foto: Rural Pecuária

O número é 29,5% superior ao acumulado de janeiro a setembro de 2019 e reflete o bom desempenho da safra de grãos nacional. “A vocação agropecuária goiana se confirma a cada ano, com produtos abastecendo o mercado nacional e internacional”, diz o titular o secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), Antônio Carlos de Souza Lima Neto.

De janeiro a setembro deste ano, a agropecuária foi responsável por 80,4% das exportações do Estado de Goiás, aumento de 29,5% em relação ao mesmo período de 2019. Foram registrados US$ 5,15 bilhões em exportações, sendo que o Complexo Soja representou 60,4% desse total, com US$ 3,11 bilhões, crescimento de 49,6% em comparação com o período de janeiro a setembro do ano passado. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Economia, por meio do Comex Stat, e analisados pela Gerência de Inteligência de Mercado da Seapa.

Na avaliação do mês de setembro, a agropecuária representou 70,7% das exportações totais goianas, com US$ 445,4 milhões. O Complexo Soja novamente se destacou, com 32,7% das exportações do agro em Goiás, que equivalem US$ 145,5 milhões. O aumento foi de 39,9%, se comparado a setembro de 2019. Já o Complexo Carnes registrou US$ 109,1 milhões e os açúcares, US$ 30,6 milhões – crescimento de 23,8% em relação ao mesmo período do ano passado.

“O empenho da cadeira produtiva, com aumento de área plantada e produtividade, aliado às políticas públicas de apoio ao agro goiano, refletiram em safra recorde de grãos, que deve ser ainda superior em 2021. A vocação agropecuária goiana se confirma a cada ano, sendo que nos destacamos no cenário nacional e também internacional, com produtos saindo de Goiás e alimentando o mundo”, comemora o secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Carlos de Souza Lima Neto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.