Advogado fica ferido após explosão de bomba em escritório de advocacia

Caixa foi entregue para Walmir Cunha por mototaxista e explodiu, destruindo parte da recepção do escritório

Este slideshow necessita de JavaScript.

O advogado Walmir Oliveira da Cunha teve dedos das duas mãos decepados ao abrir uma caixa que continha explosivos em seu escritório de advocacia. O caso aconteceu na tarde desta sexta-feira (15/7), quando um mototaxista entregou uma encomenda destinada a Walmir.

Segundo informações da Polícia Militar, o mototaxista chegou no escritório, que fica na rua 15 tocou a campainha e disse que tinha uma encomenda para Walmir. A secretária chamou o advogado e pegou a caixa. Assim que abriu a caixa, houve a explosão que acabou destruindo parte da recepção.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e a vítima encaminhada para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo). De acordo com a unidade de saúde, o estado do paciente é regular, ele está consciente e respira sem ajuda de aparelhos.

Ainda não há informações sobre motivação ou autoria do crime.

Deixe um comentário