Advogado é preso em Goiânia após ser flagrado bêbado e com arma de fogo

Homem de 45 anos alegou à polícia que havia ido mostrar o objeto a um amigo

A Polícia Militar de Goiânia efetuou na manhã desta sexta-feira (31/3) a prisão de um advogado de 45 anos por porte ilegal de arma de fogo.

Conforme informações da Polícia Civil, o homem estava acompanhado de outro indivíduo e disse para os militares que estava em posse do objeto porque iria mostrá-lo para o amigo.

Segundo o que o advogado relatou aos policiais, ele mantém a arma em sua residência. No momento da abordagem, o suspeito ainda estava sob efeito de álcool.

Consta no registro policial que o advogado não portava o registro da arma, mas que chegou a alegar que iria apresentá-lo em juízo.

Para ser liberado da Central de Flagrantes da Polícia Civil, o advogado teve que pagar fiança de R$ 1,5 mil.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.