Advogado é assassinado em possível emboscada no interior de Goiás

Edir Chartier tinha 43 anos e foi morto em distribuidora de bebidas em Araguapaz. Ele estava acompanhado de um cliente, que também faleceu

Foto: Reprodução Facebook

Suspeita da polícia é de que ele tenha sido vítima de emboscada | Foto: Reprodução Facebook

O advogado Edir Peter Corrêa Chartier, de 43 anos, foi assassinado nesta terça-feira (13/12) na zona rural do município de Araguapaz, a 260 quilômetros de Goiânia. Ele estava na cidade a trabalho e estava acompanhado do ex-marido de sua cliente, que também foi assassinado. A suspeita do delegado responsável pelo caso, Murillo Gonçalves, é de que eles tenham sido vítima de uma emboscada.

Os dois foram a uma distribuidora de bebidas da cidade para tentar um acordo sobre disputa judicial envolvendo a exploração de areia em uma propriedade da região. Eles teriam se desentendido com o dono do estabelecimento, que atirou contra os dois.

O marido, identificado como James, chegou a ligar para a emergência informando o que ocorreu e dizendo que estava ferido. Ele foi socorrido e levado para o Hospital Municipal de Faina, mas não resistiu e morreu no caminho.

Instituições como a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Seção Goiás e o Sindicato dos Advogados do Estado de Goiás (Saeg) já manifestaram pesar pela morte do advogado e pediram máximo esforço na elucidação do crime e na punição dos envolvidos.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.