Advogado de Jayme Rincón diz que ex-presidente da Agetop não é investigado por operação

Jayme Rincón, ex-presidente da antiga Agetop

O advogado Romero Ferraz Filho esclarece que o ex-presidente da antiga Agetop, Jayme Rincón, não é investigado pela Operação Terra Fraca, deflagrada manhã desta terça-feira (15), pela Delegacia Estadual de Combate à Corrupção (Deccor).

Romero entrou em contato com o Jornal Opção após deixar a delegacia, onde confirmou que  Jayme não é um dos alvos da ação policial.

Ao todo, foram cumpridos mandados de busca e apreensão contra sete pessoas físicas e sete jurídicas, sendo dez em Goiânia, Goiás, e dois em Palmas, Tocantins. De acordo com a Deccor, a investigação do caso já ocorre há um ano. Contudo, não há um prazo definido para o encerramento do inquérito.

Os alvos estão sendo enquadrados nos crimes de peculato, crimes da lei de licitação, superfaturamento de obra, organização criminosa e lavagem de dinheiro. O ex-governador José Eliton, atual presidente estadual do PSDB, é um dos alvos da ação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.