Adriano Baldy anuncia pagamento de editais do Fundo de Arte e Cultura

Liberação de R$ 30 milhões atenderá 342 projetos da capital e do interior

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Cultura, anunciou na tarde desta quarta-feira, 11, a liberação dos recursos para pagamento dos editais do Fundo de Arte e Cultura (FAC), relativos a 2018 e parte de 2017, que totalizam mais de R$ 30 milhões. Os primeiros repasses começaram a ser feitos ontem e a meta é de que até sexta-feira, 13, sejam finalizados.

Ao todo, serão atendidos 342 projetos da capital e do interior, que irão levar cultura a várias regiões de Goiás, do Brasil e até para o exterior.

O secretário de Cultura, Adriano Baldy, agradeceu o esforço conjunto do governador Ronaldo Caiado e da secretária da Economia, Cristiane Schmidt, e reforçou que esta é a primeira vez, desde 2013, que o pagamento do FAC é feito dentro do próprio ano.

O FAC é administrado pela Secult Goiás e é um dos principais impulsionadores do setor no Estado. Os 308 editais que estão sendo pagos são os que foram lançados e/ou empenhados em 2018, além de 34 projetos de restauro e de audiovisual de 2017 que foram aprovados no orçamento do ano passado. A responsabilidade pelo pagamento é da atual gestão. A meta é que todos os editais contemplados em 2018 sejam pagos.

Os projetos contemplados com o recurso abrangem as áreas de música, dança, teatro e artes visuais que irão circular em turnês por todo estado de Goiás. Entre esses projetos beneficiados, 172 projetos são dos municípios do interior. Dos sete projetos de bolsa de formação em artes que serão pagos, quatro vão possibilitar a capacitação de artistas em cursos e mestrados no exterior.

Fomento

O Fundo de Arte e Cultura de Goiás é o principal mecanismo de fomento do Estado e um dos quatro maiores fundos de cultura do Brasil. O FAC financia e fortalece a cultura no/do interior, de norte a sul do Estado, alcança as periferias na capital e possibilita que artistas levem a cultura de Goiás para outros estados do Brasil e também em outros países.

Por meio de editais de seleção pública, lançados anualmente, o FAC possibilita que artistas, grupos e coletivos, produtores culturais e prefeituras recebam recursos diretamente do Governo do Estado para realização de projetos, nas mais diversas linguagens artísticas e áreas culturais. Os Editais do FAC também investem em novos artistas, jovens e estudantes das mais variadas formações artísticas existentes no Estado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.