Deputada disse não se preocupar com levantamento do Paraná Pesquisas que mostra ex-presidente com leve vantagem à frente, mas dentro da margem de erro

A deputada estadual Adriana Accorsi (PT) menosprezou o resultado da pesquisa divulgada com exclusividade pela Record TV Goiás e pelo Jornal Opção que mostra o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) tecnicamente empatado com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na disputa pela Presidência da República em 2018. “Não me preocupo, ainda vai acontecer muita coisa”, afirmou em entrevista.

[relacionadas artigos=”97288″]

Segundo a petista, como “estamos a muitos meses da eleição”, os cenários podem mudar muito. “São candidaturas que podem dar certo ou não”, explicou.

De acordo com a deputada, em todas as eleições existem “pessoas que são extremistas e geralmente aparecem em primeiro lugar para pesquisas”. “Com o passar do tempo, com as discussões e debates, a população vai vendo que pessoas extremamente radicais dificilmente terão boa condição de ser um gestor”, garantiu.

Para Adriana, “uma gestão do Executivo necessita de ponderação, de se ver os vários lados das questões”.

Pesquisa

Goiás se tornou o primeiro estado em que o deputado federal de extrema direita Jair Bolsonaro apareceu próxima ao primeiro lugar. Veja os números do primeiro cenário testado:

Lula (PT) – 22,4%
Jair Bolsonaro (PSC) – 20,4%
João Doria (PSDB) – 11,4%
Marina Silva (Rede) – 9,5%
Joaquim Barbosa (Sem partido) 7%
Ciro Gomes (PDT) – 6,2%
Alvaro Dias (PV) – 3%
Não sabe – 5,2%
Nenhum – 15%