Acusado de insultar enfermeiros em Brasília participa de manifestação que pede abertura de comércio

Goianienses fazem buzinaço em defesa do presidente Jair Bolsonaro e pedindo reabertura de comércio e escolas

 

Na tarde desta sexta-feira, 15, uma carreata passou pela avenida 85, em Goiânia, pedindo a reabertura do comércio e de escolas, apesar da pandemia de coronavírus. Entre palavras de ordem do alto do carro de som e dizeres pendurados nos veículos, os manifestantes desferiram ofensas ao governador Ronaldo Caiado (DEM) e demonstraram apoio ao presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido). Bandeiras do Brasil também coloriam os carros que fizeram buzinaço ao longo de uma das vias mais movimentadas da capital.

Gustavo Gayer, envolvido em polêmica durante manifestação de enfermeiros na Praça dos Três Poderes, em Brasíllia, participou de carreata em favor de reabertura do comércio
Gustavo Gayer de azul em cima do carro de som. No último dia 1º, ele esteve envolvido em polêmica durante manifestação de enfermeiros na Praça dos Três Poderes, em Brasíllia


De cima do carro de som, em fotos documentadas durante a carreata, foi registrada a presença do professor de inglês Gustavo Gayer, envolvido em polêmica no último 1º de maio, após divulgar um vídeo onde classificava protesto de enfermeiros na Praça dos Três Poderes, em Brasília, como “mentiroso”. O homem também foi acusado de insultar os profissionais da Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.