Acumuladora há 20 anos, idosa tem nove toneladas de lixo retirado de casa

Foram cinco dias de mutirão. Mulher foi levada ao hospital, onde tomou medicamentos e passará por acompanhamento psicológico

Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira, 26, a prefeitura de Salto, em São Paulo, fez mutirão de limpeza na casa de um casal de idosos que acumulou lixo em casa durante 20 anos. De acordo com a administração municipal, sete caminhões retiraram 9,2 toneladas de materiais da residência.

Finalizado nesta sexta, a limpeza se iniciou na segunda, 21. Pelo menos 80% do que foi recolhido foi enviado para reciclagem. A força-tarefa contou com apoio da Defesa Civil, Guarda Civil Municipal, Secretaria de Ação Social e da Secretaria do Meio Ambiente.

Tudo começou quando Benedito Togni, 82 anos, deixou parte do lixo na rua para chamar atenção das autoridades para o problema que vivia em casa.

Sua esposa, de 77 anos, sofre de um transtorno e passou a recolher objetos na rua e levar para casa depois que a mãe morreu, nos anos 90.

O acúmulo chegou a tal ponto que o portão de casa teve que ser bloqueado e o idoso precisou abrir um buraco no muro para conseguir entrar e sair. A idosa foi levada para o hospital e receberá tratamento psicológico.

A acumulação compulsiva foi classificada como transtorno em 2013 pelo Manual de Diagnóstico e Estatística das Perturbações Mentais. Cerca de 5% da população mundial sofre com isso.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.