Acieg aponta que modelo de escalonamento pode ajudar a impulsonar comércio

Comerciantes se reúnem com o prefeito da capital e pedem por reabertura do comércio, mesmo que de forma lenta e gradual 

O presidente da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Goiás (ACIEG) afirmou ao Jornal Opção que as reuniões com o prefeito Rogério Cruz (Republicanos) têm sido frequentes desde a publicação do último decreto que impôs medidas restritivas à cidade como um todo. Segundo ele, a proposta apresentada inicialmente era referente a uma restrição de horários de funcionamento do comércio, mas sem a delimitação de dias.

No entanto, Rubens denota que a proposta de escalonamento de horários e de regiões em Goiânia já havia sido levada até Rogério anteriormente e acabou sendo acatada agora. “Esse é um modelo que já foi adotado em Trindade e Aparecida de Goiânia, por exemplo. Nós acreditamos que ele irá nos ajudar no combate ao coronavírus, pois ele prevê também uma redução na circulação de pessoas.”, reiterou.

O presidente afirmou ainda que este modelo de funcionamento ajudará os comerciantes a conseguirem realizar pelo menos uma parte de suas vendas, impulsionando-os, ainda que de maneira muito tímida. Rubens pontuou que parte dessas sugestões já foi acatada pelo prefeito e o mesmo deve anunciá-las ainda na tarde de hoje.

Expectativas

Ainda de acordo com o presidente da Acieg, os comerciantes da capital esperam que seja dado um apoio a eles. “Uma de nossas pautas é que tenhamos um apoio no que tange aos impostos que devemos pagar. Nós já conversamos tanto com o prefeito quanto com o governador sobre isso. Esperamos que logo tenhamos um retorno no âmbito econômico, sem nos esquecermos do cuidado com a vida.”, afirmou Rubens. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.