“Acho que a Argentina escolheu mal”, diz Bolsonaro após eleição de Alberto Fernández

Na interpretação do presidente, a Argentina “colocou no Poder quem colocou a Argentina no buraco lá atrás”

Presidente Jair Bolsonaro (PSL) / Foto: Reprodução

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), lamentou, na manhã desta segunda-feira, 28, o resultado das eleições na Argentina. O pleito elegeu Alberto Fernández como novo presidente. Para Bolsonaro, o país “escolheu mal”.

“Não pretendo parabenizá-lo. Agora, não vamos nos indispor. Vamos esperar o tempo para ver qual a posição real dele na política. Porque ele vai assumir, vai tomar pé do que está acontecendo, e vamos ver qual linha ele vai adotar”, disse.

Na interpretação de Bolsonaro, a eleição de Fernández se deu pelo fato do ex-presidente Maurício Macri não ter atingido sucesso com as reformas feitas no país. No entanto, disparou: “Agora, a Argentina colocou no Poder quem colocou a Argentina no buraco lá atrás”.

Mercosul

Bolsonaro descartou a possibilidade do Brasil deixar o Mercosul caso a eleição doe Fernández afete, de alguma forma, o  acordo entre os blocos. E considerou, depois, um possível afastamento do país vizinho em caso de complicações.

“Não digo que sairemos do Mercosul, mas podemos juntar ali com o Paraguai, não sei o que vai acontecer nas eleições do Uruguai, e decidirmos se a Argentina fere alguma cláusula do acordo. Se ferir, podemos afastar a Argentina. Mas a gente espera que nada disso seja necessário. Que a Argentina não queria, na questão comercial, mudar seu rumo”, pontuou. (Com informações do jornal Folha de S. Paulo)

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.