A nova cara da seleção brasileira para 2022

Todos nos sabemos que o futebol brasileiro sempre foi e ainda é um grande celeiro de bons jogadores. Todo ano aparecem alguns por esse imenso Brasil

Alex Sandro (Juventus), David Neres (Ajax), Malcom (Bordeaux), Leo Bonatini (Wolverhampton), Fabinho (Mônaco) e Jemerson (Mônaco) são apostas para a Copa de 2022 | Fotos: Getty Images/Ajax/Roma

Cilas Gontijo

Alguns jogam em seus times de base até uma idade adulta, outros vão muito cedo para a Europa e brilham por lá. E nós aqui no Brasil nem os conhecemos. Às vezes não temos o prazer de vê-los jogando por aqui.

Em nossa seleção que será montada para a Copa de 2022 poderão aparecer alguns desses craques nas listas de convocações que se seguirão. Uns poderão se tornar realidade. Outros não.

De uma coisa tenho certeza: não devemos mudar nossa comissão técnica. Comissão essa comandada por Tite. O treinador vem fazendo, desde que assumiu há dois anos, um excelente trabalho à frente da amarelinha.

Quando assumiu o comando, a seleção brasileira ocupava apenas a sexta colocação nas eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia 2018, correndo sério risco de, pela primeira vez na história, ficar fora de um mundial. Tite levou o Brasil a conquistar sua vaga de forma antecipada, sendo a primeira seleção a conquistar a classificação via eliminatórias, terminando em primeiro lugar.

Teve seus erros na convocação final para a Copa, como ter levado Fernandinho, Danilo machucado. E teve de cometer outro erro convocando Fagner. No andar da competição também insistiu com Gabriel jesus e não voltou desde inicio do segundo tempo contra a Belgica com Douglas Costa. Mas nada que venha a manchar seu currículo no comando da equipe.

Alguns desses jogadores que fizeram parte do elenco continuarão. Outros automaticamente estão fora por causa da idade. Ainda há o grupo dos que ficarão fora pela baixa qualidade técnica.

Vamos a uma lista de jogadores que poderão continuar.

Goleiros: Ederson (Manchester City), que em 2022 terá 28 anos, com grandes chances de assumir a titularidade da seleção. Alisson (Roma) estará com 29 anos. Penso que não conseguirá manter sua titularidade.

Zagueiros: Marquinhos (PSG) fará 28 anos até lá. Com certeza será mantido. Outro que deverá aparecer por aí é Jemerson (Mônaco), que estará com 29 anos. Excelente zagueiro, inteligente e forte.

Lateral esquerda: Marcelo (Real Madrid) estará com 34 anos, porém se continuar jogando bem com certeza estará no mundial. Outro que deverá aparecer é Alex Sandro (Juventus), um ótimo lateral que tem se destacado. Deveria ter sido convocado já nesta Copa. Em 2022 terá 31 anos.

Lateral direita: Estamos em falta de bons laterais diretos. Mas vem correndo por uma dessas vagas Fabinho (Mônaco), que terá 28 anos na próxima Copa. Quem também tem grandes chances é Bruno Peres (Roma).

Volantes e meias: Casemiro e Coutinho, pelo que vêm jogando em seus times como na seleção, com certeza farão parte dessa nova geração. Arthur (Barcelona) também deve compor o elenco. É um ótimo jogador, veloz, bom marcador e inteligente. Chegará com 26 anos na Copa.

Lucas Paquetá poderá ter chance se continuar jogando bem, como vem fazendo no Flamengo. Tem apenas 20 anos. Outros jogadores para essas posições com certeza ainda surgirão.

Atacantes que atuam pelos lados do campo com velocidade e bons dribles

Neymar (PSG), odiado e amado por muitos, ainda é o craque brasileiro e poderá continuar nesse posto ainda por algum tempo. Até a Copa terá 30 anos, com muito gás para queimar. Com certeza querendo apagar suas duas últimas lembranças de Copa do Mundo.

Outros bons jogadores poderão aparecer como David Neres (Ajax), Malcom (Bordeaux) e Richarlison (Watford). Esses três jogadores saíram muito cedo do Brasil e estão jogando muito em seus respectivos clubes. São jogadores fortes, de bons dribles, muita velocidade e inteligentes.

Atacantes de área: Gabriel jesus, apesar de não ter feito uma boa Copa do Mundo, foi responsável pela boa campanha da seleção  brasileira nas eliminatórias. Com sete gols marcados, o atacante superou Pelé e Neymar em número de gols em uma eliminatória. É um jogador novo, que até a Copa estará com apenas 25 anos.

Quem também fará parte dessa lista sem dúvidas é Roberto Firmino (Liverpool). Não teve muita chance no mundial, mas quando teve oportunidade sempre jogou bem marcando gols. No mundial 2022 estará com 30 anos.

Um jogador menos conhecido dos brasileiros é Leo Bonatini (Wolverhampton). Alto, habilidoso, inteligente, bom de cabeça e com os pés, passou pela seleção de base e terá 28 anos na próxima Copa.

Outros dois jogadores que poderão figurar nas próximas convocações para essa posição são Vinícius Júnior e Rodrigo. O primeiro jogou no Flamengo e foi contratado pelo Real Madrid. Tem apenas 17 anos. Rodrigo, revelado pelo Santos, é tido por muitos como o novo Neymar e tem a mesma idade de Vinícius Júnior, além de também ter sido contratado pelo Real. Vem forte para a disputa por vaga nessa nova geração. Temos ainda Luan, do Grêmio, que fará 29 anos em 2022.

Portanto, vem aí uma nova geração de grandes jogadores brasileiros com algumas posições deixando a desejar, como zagueiros, volantes e meias, mas que poderão surgir até lá. Já nas outras parte do campo, principalmente no ataque, chegaremos muito fortes para 2022. E até 2026 com certeza. Como somos celeiro de grandes jogadores, muitos aparecerão durante esses quatro anos, deixando nosso futuro técnico com dor de cabeça para escalar e montar uma grande e forte equipe para a conquista do hexacampeonato.

Veja abaixo vídeos de jogadores não muito conhecidos no Brasil:

David Neres

Richarlison

Malcom

Leo Bonatini

Jemerson

Deixe um comentário