55 botijões de gás são apreendidos em Goiânia por estoque irregular e revenda clandestina

Mandados de busca e apreensão dos bujões fizeram parte de nova fase de operação da Decon que busca combater a comercialização irregular

55 botijões de gás são apreendidos em Goiânia por estoque irregular e revenda clandestina | Foto: Reprodução

Mais uma fase da Operação Crepitus foi realizada pela Polícia Civil do Estado de Goiás nesta terça-feira, 13, com o objetivo de combater a comercialização clandestina de botijões de gás. Na ação, foram cumpridos mandados de busca e apreensão de 39 botijões no Setor Santa Fé I e de outros 16 no Residencial Buena Vista I. Os autores foram intimados pelos agentes a comparecer na Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (Decon).

No Setor Santa Fé I, os botijões se encontravam estocados de forma irregular e caracterizaram revenda clandestina. Já no Residencial, os bujões eram estocados em um lote ao lado de diversas residências. A principal preocupação dos especialistas de Regulação da Agência Nacional do Petróleo (ANP) e dos peritos da Superintendência da Polícia Técnico Científica que participaram da investigação é o risco de explosão que o mau manuseamento dos bujões pode oferecer.

A investigação, coordenada pela Decon, teve início há 2 meses, provocada pelo compartilhamento de informações com a ANP.

A prática do crime de adquirir, distribuir e revender derivados do petróleo, gás natural, álcool etílico e demais combustíveis, insculpido no art. 1º, inciso I da Lei de Crimes Contra a Ordem Econômica, prevê pena detenção de um a cinco anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.