200 mil metros de linha com cerol são apreendidos em Goiânia

Além da mistura de vidro e cola, ação da Guarda Civil Metropolitana também encontrou carretéis de linhas chilenas e da Indonésia

Também foram encontradas linhas chilenas e da Indonésia | Foto: Divulgação / GCM

Balanço divulgado nesta sexta-feira (21/7) pela Guarda Civil Metropolitana (GCM) mostra que foram apreendidos no último mês 200 mil metros de linhas com cerol em Goiânia. Desde o dia 20 de junho, a corporação realiza a campanha Pipa Sem Cerol, para conscientizar crianças, adolescentes e adultos sobre os perigos do uso da mistura de cola com vidro moído que é passada na linha das pipas.

De acordo com os números, além dos 200 mil metros de linha com cerol comum, foram apreendidas 107 latas e 24 carretéis de linhas chilena e da Indonésia, com poder cortante muito maior do que o cerol. “Estamos empenhados em orientar essa garotada sobre o perigo destes materiais, no entanto, sabemos que não é fácil desconstruir essa prática’, afirmou o comandante da Guarda Civil Metropolitana, José Eulálio.

O encerramento oficial será em congruência com fim do período de férias, no dia 4 de agosto. Até agora, não houve vítimas fatais de nenhum desses materiais em Goiânia este ano.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.