Um dia após convenção, Amastha desiste de disputar governo do Tocantins

Ex-prefeito de Palmas explicou que motivação seria a saída do PCdoB e do PTB da coligação

Foto: Reprodução

Após convenção realizada no último domingo (5/8), o ex-prefeito Carlos Amastha (PSB) usou as redes sociais para anunciar que desistiu de disputar o governo do Tocantins em 2018.

Na gravação, Amastha disse que, infelizmente, as coligações proporcionais não foram bem sucedidas. “Com a saída do PCdoB e do PTB o projeto perdeu a essência, não consigo participar sem eles”, lamentou.

O ex-prefeito afirmou que coloca seu nome à disposição para ser substituído e pede desculpas pela decisão.

Convenção

Carlos Amastha e Oswaldo Stival Junior (PSDB) foram confirmados no domingo (5) como candidatos a governador e vice do Tocantins, ao lado dos senadores Vicentinho Alves (PR) e Ataídes Oliveira (PSDB). Uma pequena ala do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) também prestou solidariedade.

No palanque, o ex-prefeito de Palmas justificou as alianças. “Nunca falei mal de pessoas, falei de atitudes”. Alguns nomes conhecidos da política, como os vereadores Felipe Fernandes (PSDC) e Lúcio Campelo (PR), resolveram não seguir a opção dos seus partidos, exatamente em razão do declarado antagonismo a Carlos Amastha.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Leandro Stracke

Kkkkkkkkkk Amastha se meteu com PSDBOSTA SE LASCOU podem ter certesacque agora laguinho cesa às denúncias da prefeitura de Palmas kkkkkkkkkk PSDBOSTA SE ACHA O TAL COM SIQUEIRA CAMPOS POR TRAZ .