Eleitos em 2018 são diplomados no Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins

Após evento, o governador Mauro Carlesse concedeu entrevista coletiva à imprensa e afirmou que deverá implantar grandes reformas na nova gestão

Foto: reprodução

Nesta segunda-feira, 17, foi realizada no auditório do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins, a cerimônia de diplomação dos candidatos eleitos e suplentes nas eleições de outubro. Foram diplomados o governador Mauro Carlesse (PHS) e o vice-governador, Wanderley Barbosa (PHS), reeleitos em primeiro turno, com 57,39% dos votos válidos, os dois senadores, Eduardo Gomes (SD) e Irajá Abreu (PSD), os oito (8) deputados federais e os vinte e quatro (24) estaduais, além dos respectivos suplentes.

Após a diplomação, o governador Mauro Carlesse concedeu entrevista coletiva à imprensa e afirmou que deverá implantar grandes reformas na nova gestão. A principal delas é a redução de gastos com pessoal. “Estamos terminando de concluir um planejamento para anunciar, são reformas para conduzir o Estado com mais firmeza, segurança, com pessoas técnicas que realmente vem para nos ajudar… Tudo que fizermos será para reduzir despesas, para dar melhoria técnica para conseguir colocar o Estado em um caminho novo de desenvolvimento, enfatizou Carlesse.

Uma das personalidades diplomadas no evento foi o ex-governador Siqueira Campos (DEM), primeiro suplente de Eduardo Gomes. Ele chegou a se candidatar ao senado, mas desistiu da disputa após problemas de saúde, permanecendo, entretanto, como primeiro suplente da mesma chapa. Siqueira subiu à tribuna de honra numa cadeira de rodas empurrada pelo filho caçula e ainda convalesce, pois foi submetido a uma cirurgia no dia 7 de setembro, em São Paulo, para retirada do intestino grosso. O ex-governador ficou dois meses internado e recebeu alta no dia 14 de novembro, sendo esta a primeira aparição de Siqueira em uma solenidade pública.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.