“Desafios para o Crescimento”: um seminário em prol do pequeno empresário

Expert em inovação, Fernando Kimura, e o “Mark Zuckerberg brasileiro” Gustavo Caetano são algumas das atrações

Analista do Sebrae-GO, Cinely Carlotto: “A ideia é trazer, para o empresário, estímulo e motivação para que ele possa enfrentar a situação econômica do país”

Analista do Sebrae-GO, Cinely Carlotto: “A ideia é trazer, para o empresário, estímulo e motivação para que ele possa enfrentar a situação econômica do país”

Yago Rodrigues Alvim

No dia a dia, muitas coisas escapam pelos de­dos. Vontades, sonhos e inúmeras portas abertas que se fecham sem sequer um tempinho para arriscar adentrar ou até mesmo para perceber tal oportunidade. Muitos vivem a labuta do dia a dia em escolas, empregos, se enquadrando sempre a uma fôrma. Criar e enfrentar os contratempos para sobreviver com suas ideias e projetos tira o suor de muitos. A vida adulta bate à porta e não é fácil. Imagina só quem quer entrar no mercado por si próprio na atual situação econômica do país?

Foi pensando nisso que a seccional goiana do Serviço Nacional de Apoio às Micro e Pequenas Em­pre­sas (Sebrae-GO) –– que realiza ações de auxílio a quem quer empreender, ter seu próprio negócio, ter seu sonho, antes que escorra pelos dedos, como algo concreto –– organizou o seminário “Desafios para o Crescimento”, que traz nomes ilustres da área para um bate-papo em auxílio ao empreendedor para que não só entre, mas continue no mercado cada vez mais bem preparado.

Analista do Sebrae-GO, Cinely de Oliveira Carlotto conta que a ideia é trazer, para o empresário, um estímulo, uma motivação para que ele melhor possa enfrentar a situação econômica do país. “É para ajudá-lo”, pontua. Aberto ao público e realizado em três dias diferentes, o primeiro dia do seminário tem como tema “Inovação e Competitividade”. Os convidados são Fernando Kimura e Gustavo Caetano. No segundo dia, o palestrante Roberto Shinyashiki falará sobre “Liderança em Tempo de Velocidade”.

O seminário “Desafios para o Crescimento” será realizado no Teatro Rio Vermelho, no Centro de Convenções de Goiânia, sempre às 18h30. Com entrada franca, os interessados podem se inscrever pelo site do Serviço (www.sebrae.com.br) ou no dia do evento; o credenciamento tem duração de uma hora –– até as 19h30. O tempo estimado para as palestras é de uma hora e meia. Segundo Cinely, a expectativa de público é de duas mil pessoas. A primeira palestra, com os convidados Fernando Ki­mu­ra e Gustavo Caetano, será realizada na segunda-feira, 5; a segunda, com a participação de Roberto Shinyashiki, será na quinta-feira, 29; já o terceiro dia de seminário ainda não tem data e convidado confirmados.
Da analista, fica o convite. “É preciso ter criatividade para se motivar e enfrentar toda a crise. Esperamos que os empresários compareçam às palestras e que repassem todo o conhecimento para sua equipe ou, até mesmo, que leve toda sua equipe. Vamos desenvolver todos”, agita.

Conheça os palestrantes e temas abordados no seminário dedicado aos empreendedores

Fernando Kimura

Fernando Kimura

Fernando Kimura

Formado em Administração em Em­presas, com ênfase em Mar­keting, pela Universidade Anhembi Morumbi, e especialização em Marketing Digital pela Escola Superior de Propaganda e Mar­keting (ESPM) e em Neuro­mar­keting pela Universidade de Bue­nos Aires (UBA), Fernando Ki­mu­ra atuou no marketing para pequenas e médias empresas da Mi­crosoft Brasil e no marketing da multinacional estadunidense O­ra­cle para a América Latina, empresa de tecnologia e informática.

Ele é considerado o palestrante número 1 no Google em Inovação e Neuromarketing e já foi assistido por mais de 50 mil pessoas no Brasil, Argentina, Chile, Colômbia e Equador. Dentre os tópicos a serem abordados em sua palestra estão “Como as marcas podem inovar para chamarem atenção dos consumidores (lovemarkers)”; “Como atingir o inconsciente dos consumidores”; “O que você faz quando a concorrência mora ao lado”, em que contará a história da Rua São Caetano, em São Paulo; “Neuro­métricas –– atenção, memória e emoção”; e “Estímulos para atingir o inconsciente do consumidor”.

Gustavo CaetanoGustavo Caetano

Há seis anos, Gustavo Ca­e­tano fundou a Samba Tech, empresa de soluções audiovisuais, e já compartilhou suas experiências em eventos na Organização das Nações Unidas (ONU), no Instituto de Tec­no­logia de Massachusetts (MIT) e no mercado de ações norte-americano Nasdaq. Pela revista “Pequenas Empresas Grandes Negócios”, Gustavo foi nomeado o CEO (sigla do termo inglês “Chief Executive Officer”, que designa um executivo principal) do ano; já pelo site americano The Next Web foi considerado o melhor fundador e uma das 50 mentes mais inovadores do Brasil, pelo site “Meio&Mensagem”. Além disso, foi considerado pelo MIT um dos dez jovens mais inovadores do país e nomeado pela imprensa americana como “o Mark Zukerberg (fundador da rede social Facebook) brasileiro”.

Na palestra, ele proferirá sobre o que as empresas, líderes e profissionais de diversas áreas devem fazer para inovar, maximizar oportunidades e se diferenciar num mercado cada vez mais competitivo e incerto, principalmente pela atual situação econômica brasileira, que tem gerado grandes desafios para empresas de todos os setores.

Roberto Shinyashiki

Roberto Shinyashiki

Roberto Shinyashiki

O palestrante Roberto Shin­yashiki é médico e empresário, presidente do Instituto e da Editora “Gente”. Doutor em Administração de Empresas pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA/USP), é autor de 21 best-sellers. Em sua palestra, propõe o desafio: “Você tem líderes dentro da sua equipe capazes de implementar suas metas e estratégias?”.

Segundo ele, atualmente as empresas precisam que cada um de seus colaboradores assuma a responsabilidade pelo comprometimento da equipe, na realização dos projetos e na conquista de seus objetivos. O objetivo é desenvolver a consciência de que cada colaborador tem de atuar como líder e se comprometer com as mudanças; e ensinar as novas competências do líder para uma nova empresa.

Dentre os assuntos do conteúdo programático de seu seminário, estão “Dilema das empresas: crescer ou morrer”; “Os novos desafios das empresas”; “Como se comportar em um ambiente de pressão”; “Liderança em um mundo digital: liderança sem líderes”; “Como criar um time campeão”; e “Características dos novos líderes”.

Ulisses Fontoura

De acordo com o gerente de atendimento individual do Sebrae-GO, Ulisses Fontoura, o movimento “Compre do Pequeno Negócio” busca valorizar a pequena empresa pelo que ela pode oferecer a todos

Compre do Pequeno Negócio em Goiás: um movimento em razão da economia local

Desde 14 de setembro, o Sebrae-GO tem realizado na capital e nos demais municípios goianos uma série de ações em apoio ao pequeno empresário. Fruto da campanha “Compre do Pequeno Negócio”, a programação envolveu inúmeras pessoas. O gerente de atendimento individual do Sebrae-GO, Ulisses Fontoura, explica que a data escolhida para celebrar a campanha, 5 de outubro, coincide com o dia de sanção do Estatuto Estadual da Microempresa e Empresa de Pequeno Porte dado pelo governador Marconi Perillo.

Junto ao Sebrae, parceiros comemorarão a data promovendo uma grande mobilização a favor do segmento durante todo o dia na capital e em oito cidades do interior, onde o Serviço tem Escritórios Regionais. Na programação, está previsto o pronunciamento do governador, no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, seguido de uma passeata pela Avenida Araguaia, Rua 4, Avenida Goiás e encerrando na Praça Cívica, logo pela manhã. À noite, Fernando Kimura e Gustavo Caetano proferirão suas palestras no Teatro Rio Vermelho.

De acordo com Ulisses, o movimento “Compre do Pequeno Ne­gó­cio” busca valorizar a pequena empresa pelo que ela pode oferecer, fortalecendo, assim, a geração de empregos e a circulação local do dinheiro. Ele destaca outras características do pequeno que o diferenciam, muito positivamente, dos grandes negócios: “É perto da sua casa e você tem atendimento personalizado; pois, pelo costume de vender a você, o atendente já sabe do que você gosta. Sem contar que gera muitos empregos”.

A campanha já tomou vida própria na cidade. “As pessoas se apropriaram, já não é algo do Sebrae”, conta Ulisses. O marco do dia 5 tem como intenção continuar impulsionando a sociedade a continuar, por todo o ano, comprando de pequenas empresas. Em prol dos empreendedores, e até mesmo para prepará-los para o dia 5, inúmeras atividades de capacitação foram desenvolvidas e têm sido realizadas por todo o país.

São palestras, consultorias, feiras e orientações sobre controle de custos e atendimento ao cliente. Em todo o Brasil, foram realizados mais de 300 mil atendimentos. A programação incluiu, pelo menos, o atendimento de 157 mil microempreendedores individuais (MEI), 133 mil microempresas, 22 mil empresas de pequeno porte e 12 mil produtores rurais.

Em Goiás, os municípios que receberam grandes ações são Caldas Novas, Cidade Ocidental, São João da Aliança, Anápolis, Catalão, Luziânia, Goianésia, Goiânia, Iporá, Jataí, Rio Verde e Porangatu. Segundo Ulisses, a programação completa engloba 264 ações voltadas aos pequenos, dentre clínicas tecnológicas, oficinas e palestras. Ele apresenta alguns dados já computados das ações realizadas em Goiás, mas ressalva que muitos dados ainda não constam, pois as ações continuam em andamento.

Foram 24 cursos presenciais; uma série de cursos à distância –– ainda não computados; 12 missões de caravanas; mais de 3,5 mil orientações técnicas; mais de 4,1 mil atendimentos individuais; quatro ações de mercado de produto rural na região de Catalão, Orizona, Pires do Rio e Ipameri; quatro ações de revitalização no centro das cidades de Morrinhos, Caldas Novas, Jataí e Jaraguá, além de rodadas de negócio e do evento Fomento. A expectativa é que os números cresçam ainda mais e que o pequeno negócio seja cada vez mais valorizado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.