O ex-presidente da Câmara de Senador Canedo Rodrigo Rosa (PDT) lançou a pré-candidatura a prefeito do município. Na semana passada, o ex-parlamentar esteve em Brasília e recebeu o apoio da deputada federal Flávia Morais.

Antes, o nome de Rodrigo Rosa foi confirmado para a disputa em 2024 pelo deputado estadual George Morais (presidente do PDT em Goiás).  

Ao Jornal Opção, Rodrigo Rosa disse que vê brechas para a formação de uma terceira via no município. “O atual prefeito [Fernando Pellozo, UB] e o ex-prefeito [Divino Lemes] batem recordes de rejeições perante o eleitorado”, frisa.

Rodrigo Rosa comandou o Poder Legislativo no período de 2017-2020, na época filiado ao PRTB, justamente durante a gestão mal avaliada do ex-prefeito Divino Lemes, o qual o parlamentar era aliado.

Por outro lado, o ex-vereador deve enfrentar uma concorrência acirrada. Além de inúmeros nomes na corrida pelo poder, há forte influência no município do senador e ex-prefeito Vanderlan Cardoso (PSD), que lançou a própria esposa, a suplente ao Senado Izaura Cardoso (PL).

Recorde de nomes 

Concorrem ao Executivo canedense, até o momento: Fernando Pellozo (UB), Izaura Cardoso (PL), Alexandre Braga (MDB), Carpegiane Silvestre (Mais Brasil), Thiago Moura (Podemos), Dona Eliete (PV), Milter Mayer (Novo), Henrique Arantes (MDB), Tiago do Piso (Patriota), Rodrigo Rosa e Misael Oliveira (PTB).

Leia também: Veja as cidades com maior e menor número de candidatos em Goiás
União Brasil e PL devem ganhar cadeiras na Câmara de Senador Canedo