Um idoso de 62 anos foi preso, em Piracanjuba, suspeito de aplicar golpes em várias cidades goianas. De acordo com a Polícia Civil (PC), ele convencia as vítimas a comprar propriedades rurais e gado na zona rural da cidade onde foi detido, como uma forma de investimento. No entanto, o idoso pedia para que as vítimas entregassem cheques em branco assinados, mas os utilizava para adquirir bens em benefício próprio.

Até o momento, a corporação conseguiu identificar três vítimas. O idoso, inclusive, portava cinco cheques, além de dinheiro em espécie e dois cartões de crédito no momento em que foi preso. Ainda segundo as investigações, assim que as vítimas percebiam o golpe, cancelavam os cheques, o que também causava prejuízos para quem os recebia. 

Depois de ser preso, o idoso que já possui outros antecedentes criminais por estelionato, foi encaminhado ao Presídio de Bela Vista, onde está à disposição da Justiça. Caso seja condenado, ele poderá pegar uma pena de até cinco anos.