Um frentista de 23 anos foi preso suspeito de furtar R$ 100 mil do proprietário de um posto ao longo de cinco meses, em Caldas Novas. De acordo com a polícia, jovem foi detido nesta quinta-feira, 12, e vinha desviando quantias diariamente na hora de fechar o caixa desde de junho.

A PC diz que o frentista foi flagrado com R$ 500 furtados do posto enquanto se preparava para deixar o estabelecimento após fechar o caixa. Ao confirmar o crime, os policiais, que estavam descaracterizados, foram até a residência do suspeito onde encontraram R$ 42 mil em espécie, além de acessórios de alto valor, como relógios.

O funcionário foi encaminhado ao presídio local, onde permanece à disposição da Justiça. Caso seja condenado, ele poderá pegar uma pena de até oito anos de prisão por furto qualificado.