Misanthrofreak de Fischer

Divulgação

Divulgação

Ator e diretor, Rodrigo Fischer desenvolve sua pesquisa na interface cinema e teatro há 17 anos. Pelo Grupo Desvio, ele apresenta o premiado “Misanthrofreak”. O solo “performático-pop-clown-multimídia” fala do fracasso, da dificuldade de tomar decisões. Entre o cênico e cinematográfico, ele brinca com luzes, sons, projeções, sensores e câmeras. Estreado em Nova York, o espetáculo será apresentado em Goiânia, na quinta-feira, 30, no Sesc Centro. A entrada custa R$ 10.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.