Festival “Vende-se” e a valorização da literatura

Divulgação

Divulgação

No domingo, 31 de julho, diversas editoras e coletivos de publicação independente se reúnem, a fim da valorização da literatura. Com início às 16h, o festival “Vende-se” conta com a oficina de escrita criativa “Biografias inventadas” e com as mesas “Vende-se: mercado editorial e o uso da internet na literatura”, com Cristiano Deveras, e “A novidade: sabatina com Carlos Bran­dão”, com a participação do produtor e do poeta Rafael Vaz. Das 20h em diante, o Evoé, onde será realizado o festival, vira palco de um sarau com bebidas e música.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.