Contra a Cultura do Estupro

Reprodução/CTB-RJ

Reprodução/CTB-RJ

Na noite da segunda-feira, 27, o Salão Nobre da Faculdade de Direito da UFG vira palco da Audiência Pública sobre a Cultura do Estupro. Realizado pela De­fensoria Pública de Goiás, em parceria com o Coletivo Feminista Pagu, a Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres e a Su­perintendência Executiva da Mulher e da Igualdade Racial de Goiás, o encontro propõe debater as estruturas históricas que pautam práticas, na atual sociedade, que objetificam e inferiorizam a mulher e que ainda naturalizam a violência contra a mulher.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.