Compositor Tito Madi morre aos 89 anos

Em sua carreira, teve mais de 300 músicas gravadas no Brasil e no exterior, incluindo um de seus maiores sucessos, Chove lá fora

O cantor e compositor Tito Madi morreu na madrugada de hoje (26), aos 89 anos, no Rio de Janeiro, vítima de complicações causadas por pneumonia.

Ele estava internado no centro de tratamento intensivo (CTI) do Hospital São Lucas, em Copacabana, desde o último dia 14, informou a assessoria de imprensa do hospital.

Nascido em julho de 1929, na cidade paulista de Pirajuí, Chauki Maddi, nome de batismo de Tito, era filho de imigrantes árabes e cresceu ouvindo o alaúde de seu pai.

Em 1949, compôs sua primeira música: Eu espero você. Iniciou a carreira em 1952, como cantor contratado da Rádio Tupi, de São Paulo. Sua primeira música – Eu e você – seria gravada no ano seguinte.

Adotou o nome artístico de Tito Madi e se tornou um dos mais importantes nomes da samba-canção e da geração que antecedeu a bossa-nova.

Em sua carreira, teve mais de 300 músicas gravadas no Brasil e no exterior. Entre as principais músicas que compôs estão Balanço Zona Sul (1963), Chove Lá Fora (1957) e Cansei de Ilusões (1956).

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.