A gêmea siamesa separada Valentina segue em estado grave e ainda respira por aparelhos, segundo boletim médico divulgado nesta segunda-feira, 23. De acordo com o Hospital Estadual da Criança e do Adolescente (Hecad), ela teve uma piora no sábado e precisou passar por uma nova cirurgia para desobstrução do intestino. No momento, ela está sedada e recebendo medicação continuamente para evitar episódios de convulsões.

Já Heloá continua em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica do hospital, mas está estável e respira sem ajuda de aparelhos. Ela também está tendo uma boa resposta ao tratamento e se alimenta por via oral. A menina de três anos ainda teve um pico febril nas últimas doze horas. 

Durante o final de semana, a mãe das duas gêmeas, Waldirene do Prado, publicou um vídeo da filha Heloá conversando. E o médico Zacharias Calil, cirurgião que operou as siamesas, ainda gravou um outro momento em que ela escovava os dentes sozinha.