Hélio Rocha
Hélio Rocha

Exercícios e Alzheimer

Conheço diversas pessoas que faziam caminhadas todos os dias e hoje estão padecendo desta doença

Exercícios físicos, como caminhadas, podem prevenir muitas doenças, mas não evitam o mal de Alzheimer.

Conheço diversas pessoas que faziam caminhadas todos os dias e hoje estão padecendo desta doença, algumas delas ainda relativamente não idosas.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a expectativa de vida na década de 1940 era de 45 anos. Hoje, ultrapassa os 76 anos. Por isso, além do quanto se vive, esse processo tem mudado a forma de vida no País.

Um exemplo nítido disso passa pela saúde. Diabetes, hipertensão e outras doenças crônicas têm se tornado uma preocupação. Agora, o que fazer com doenças incapacitantes também típicas de idosos, como o Alzheimer? Esse é um dilema que já preocupa especialistas. Afinal, a forma como o tratamento ao Alzheimer vai evoluir nos próximos anos definirá a capacidade de cuidar das pessoas de idade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.