Euler de França Belém
Euler de França Belém

William Waack pode dar estatura e referência de qualidade à CNN Brasil

Depois de contratar jornalistas da TV Record para dirigir a rede, Douglas Tavolaro deve investir em repórteres e apresentadores 

william-waack

Foto: Reprodução

O presidente de Jornalismo da CNN Brasil, Douglas Tavolaro, contratou alguns jornalistas, egressos da TV Record, onde ele também trabalhou, como diretor de Jornalismo. A equipe básica já está contratada: Américo Martins é o vice-presidente de Conteúdo. Está abaixo apenas de Douglas Tavolaro; Leandro Cipoloni, ex-TV Record, será vice-presidente de Jornalismo. Cipoloni e Abranches serão os profissionais-chaves pela gestão editorial e operacional das várias plataformas da rede; Virgílio Abranches será vice-presidente de Programação e Multiplataforma. Trabalhou na TV Record; Fabiano Falsi será o chefe de redação da CNN Brasil. Ganhou o Prêmio Tim Lopes de Jornalismo Investigativo.

Agora, a cúpula da CNN Brasil está examinando currículos tanto de apresentadores quanto de repórteres. Um dos mais cotados para apresentar telejornal e programas de debates é William Waack, um dos mais notáveis jornalistas do país. Acusado de racista, o que certamente não é, apesar de um comentário infeliz — racista —, Waack teve seu contrato rescindido pela rede da família Marinho, que passa por uma fase de extremo moralismo (é provável que os nomes de Knut Hamsum, autor de “Fome”, e Louis-Ferdinand Céline, autor de “Morte a Crédito”, sejam vetados pela cúpula jornalística, porque eram fascistas). Sua possível contratação dará perstígio, de cara, à CNN Brasil. Observe-se que Waack está brilhando na internet e no “Estadão”.

Alexandre Garcia, Evaristo Costa e Sérgio Aguiar, os dois primeiros ex-Globo e o terceiro ex-GloboNews, também são cotados para trabalhar na CNN Brasil. Sérgio Aguiar vai apresentar um jornal no canal “MyNews”. Se contratados, darão estatura e referência à rede.

A CNN Brasil deve ir ao ar no segundo semestre deste ano.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.