Marcelo Mariano
Marcelo Mariano

Rodrigo Constantino, sem perceber, adere à Fake News

Nikolas Cruz, de 19 anos, acionou o alarme de incêndio de uma escola em Parkland, na Flórida, e esperou que os professores e alunos saíssem das salas para realizar disparos de um fuzil AR-15. Dezessete pessoas morreram.

Na internet, circularam Fake News dizendo que Cruz era eleitor de Hillary Clinton e filiado ao Partido Democrata.

Rodrigo Constantino (foto), colunista da “Gazeta do Povo”, publicou um texto ilustrado por uma foto de um rapaz vestindo camiseta com símbolos comunistas. Mas este rapaz não era Cruz.

O grupo supremacista branco Republic of Florida confirmou que o Cruz verdadeiro havia participado de treinamentos militares no norte do Estado. Constantino acabou tirando a foto do ar.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.