Euler de França Belém
Euler de França Belém

Polícia prende segundo assassino de jornalista

 

Lucas Eduardo tenta culpar o comparsa Gabriel da Silva. Os dois serão indiciados por latrocínio

Gabriel da Silva Ribas e Lucas Eduardo da Silva Vaz: assassinos de jornalista serão indicados por latrocínio

A polícia prendeu Lucas Eduardo da Silva Vaz, de 21 anos, o segundo assassino do jornalista Carol Majewski, que prestava serviços para a OAB do Rio Grande do Sul. O profissional foi morto no domingo, 14, por Lucas Eduardo, que contou com o apoio de Gabriel da Silva Ribas, no apartamento do jornalista, no Centro de Porto Alegre.

Gabriel da Silva diz que Lucas Eduardo é o responsável pelas facadas em Carol Majewiski. Lucas Eduardo tenta culpar Gabriel da Silva, mas o delegado de polícia Fernando Soares avalia que a versão desde é mais crível. “Essas contradições são comuns, quando cada um quer se livrar da acusação. Mas a versão do Gabriel é mais lógica. O importante é que os dois admitem participação e serão indiciados “, afirma o policial. Os dois serão indiciados por latrocínio.

Lucas Eduardo e Gabriel da Silva já haviam sido presos por furto, roubo e tráfico de drogas. Mas não foram condenados. Eles atuam como garotos de programa.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.