Euler de França Belém
Euler de França Belém

Philip Roth tem chance de ganhar o Grammy de 2017. É o que sugere a Academia Sueca de Pintura

A agente literária e o empresário do “guitarrista” revelam que a HarperCollins vai publicar suas poesias e letras de música completas até 2018

Philip Roth disfarçado para receber o Grammy e não ser atropelado pelos integrantes da Academia Sueca de Pintura | Pintura de Mike Davis

Philip Roth disfarçado para receber o Grammy e não ser atropelado pelos integrantes da Academia Sueca de Pintura | Pintura de Mike Davis

O “guitarrista” Philip Roth cometeu um grave pecado: escreveu obras-primas, como “O Complexo de Portnoy”, “O Teatro de Sabbath” e “Pastoral Americana”, todas publicadas no Brasil pela Companhia das Letras. Por isso não ganhou e certamente jamais ganhará o Prêmio Nobel de Literatura da Academia Sueca de Pintura (opa!).

Entretanto, como anunciou que se aposentou da literatura e se tornou guitarrista, baixista e baterista, Philip Roth pelo menos tem chance de ganhar o Grammy de 2017. Por sinal, está cada dia mais parecido com o James Taylor.

A agente literária americana Joyce Carol Oates revela que Philip Roth também é compositor e afirma que suas incursões pelo pop-folk e pelo country são apreciadas pela crítica especializada da Academia Sueca de Pintura (eca!).

O empresário Marcelo DeLillo Franco anuncia que, no próximo ano, a HarperCollins vai publicar as poesias e letras de música completas de Philip Roth. A edição de luxo será impressa n Brasil pela Cosac Ghost Naify e comercializada pela Amazon-Manauara.

Os críticos de pintura e desenho clássico Iúri Ruskin Godinho e Marco Portinari DiLemos concordam com os anciões ansiosos da Academia Sueca de Pintura: está passando da hora de Philip Roth ganhar a grana do Grammy — o maior prêmio de Artes Plásticas e Artes Associadas do Último Mundo. Aos 83 anos, a mesma idade de Arco-Íris Rezende da Gravidade, é a hora certa de ser premiado. Dinheiro não traz tristeza e possibilita a aquisição de medicamentos de primeira linha — até Cialis e Viagra.

O especialista em música erudita Carlos Cohen Willian não diverge: a Academia Sueca de Pintura (argh!), depois de empregar José Sarney na Academia Brasileira de Artes Ignaras e Oligárquicas, faria muito bem em doar o Grammy para Philip Roth.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Adalberto De Queiroz

Genial! Com o especial wit do editor…