Euler de França Belém
Euler de França Belém

O Popular nomeia Cairo de Freitas e demite Carlos de Freitas da Procuradoria Geral da Prefeitura

O jornal troca nomes e publica fotografia errada. Equívoco é do editor, não da repórter Andréia Bahia

popular-cairo-1-unnamed-4

“O Popular” publicou uma nota “informando” que o diretor de cinema japonês Akira Kurosawa iria fazer uma palestra na Universidade Federal de Goiás. Como mortos não dão palestra — o cineasta faleceu em 1998 —, o jornal teve de “cancelar” o evento. Há poucas semanas, um repórter copiou textos do G1 e do UOL. Na edição de sexta-feira, 9, provando que o samba do crioulo doido voltou à redação, o jornal publicou uma reportagem, “Prefeitura quer revogar aposentadoria especial para fiscais”, e no subtítulo explicou: “Procurador Cairo de Freitas alega que município não tem recursos para assumir os custos e que o Legislativo não pode gerar despesas ao Executivo”.

Problema: ao contrário do que informa “O Popular”, o procurador geral de Goiânia não é o médico Cairo de Freitas, que já foi secretário da Saúde. O nome do verdadeiro procurador é Carlos de Freitas. A fotografia também saiu errada: é a de Cairo de Freitas, não é a de Carlos de Freitas.

Vale registrar que o erro não é da repórter Andréia Bahia, e sim de algum editor descuidado. No texto, a experimentada jornalista diz que o nome do procurador é Carlos de Freitas. O equívoco começou no subtítulo (ou olho), no qual aparece Cairo de Freitas, e na fotografia.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.