Euler de França Belém
Euler de França Belém

O Popular descuidou-se da qualidade de seu texto. E a culpa não é dos estagiários

“O Popular” já cuidou melhor de suas reportagens. Na semana passada, o jornal cometeu vários erros. Confundiu “perda” com “perca”. Usou “esse” quando o certo era “este”. Pôs crase no lugar errado. No fim de uma reportagem, um repórter escreveu: “Com informações de Vandré”. A única coisa que se sabe é que não se trata de Geraldo…, o compositor e cantor.

Ao contrário do que alguns jornalistas pensam, os erros mais graves não estão apenas em textos de estagiários.

Os editores precisam cobrar textos de mais qualidade e, também, devem exigir mais de si mesmos. Pois, como não há revisores no jornal, os editores são os responsáveis pelo chamado “texto final” da redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.