“Business Insider” elegeu a brasileira Joanna Monteiro, vice-presidente de criação da agência FCB Brasil, como a mulher mais criativa do mundo. Ela encabeça uma lista com 36 mulheres.

Segundo “O Globo”, “o ranking foi produzido a partir de indicações feitas por profissionais do mercado publicitário, além dos próprios editores da publicação. Ao divulgá-lo, a ‘Business Insider’ destacou a relevância da participação das mulheres no processo criativo das agências”.

“Acho fundamental que a publicidade seja bastante misturada, porque o consumidor é misturado. Espero que isso faça com que mais mulheres tenham interesse pela profissão’, afirmou Joanna Monteiro.

Um dos feitos de Joanna Monteiro (comandou a equipe) é a campanha Anúncio Protetor. Pulseiras, encartadas em revistas, possibilitaram aos pais localizarem suas crianças nas praias. A campanha da Nívea foi premiada no festival de publicidade de Cannes – na categoria Mobile.

Outro de seus trabalhos mais comentados, e não apenas no Brasil, foi para o curso CNA, de idiomas. “O Globo” relata que “jovens faziam contato com moradores de comunidades para idosos americanas”. “A publicidade precisa, cada vez mais, entender o problema do cliente e ser absolutamente relevante para a marca, independentemente da plataforma. Há cada vez mais plataformas disponíveis e é fundamental que a gente encontre o melhor jeito de se comunicar com esse público, sempre dando algo além do produto”, diz Joanna Monteiro.