Marcelo Mariano
Marcelo Mariano

Governo da Turquia condena jornalistas à prisão perpétua

O presidente Recep Erdogan reafirma sua faceta ditatorial

Reprodução

A Turquia condenou à prisão perpétua os irmãos jornalistas Ahmet Altan e Mehmet Altan por alegações de envolvimento na fracassada tentativa de golpe contra o presidente turco Recep Tayyip Erdogan, em 2016.

O governo argumenta que os Altan enviavam mensagens sublimares por meio de aparições na TV e colunas em jornais conclamando pela queda de Erdogan, além de manterem contato com o movimento liderado por Fethullah Gülen, que, também segundo o governo, é o principal responsável pela tentativa de golpe.

A Turquia é o país que mais tem jornalistas presos, de acordo com o Comitê para a Proteção dos Jornalistas. Ao todo, são 73.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.