Vildomar Batista tenta negociar um valor menor, 3 milhões de reais

Ex-diretor do “Hoje em Dia” e do “Programa do Gugu”, da TV Record, Vildomar Batista recorreu a Justiça do Trabalho para cobrar 19 milhões de reais. Mas perdeu na primeira instância e agora terá de recorrer. Ele já está já pedindo um valor mais baixo, de 3 milhões de reais.

A Record demitiu o jornalista em 2015. Na ação, Vildomar Batista alega que acumulava funções. No momento, o jornalista trabalha para o Instituto Neymar, do jogador Neymar, do Paris Saint-Germain.