Euler de França Belém
Euler de França Belém

Cúpula de O Popular discute se vale a pena retomar o formato standard e abandonar o formato germânico

Leitores não teriam aprovado o novo design gráfico do jornal

jaime-camara-jr-ok

Foto: reprodução

Ao reassumir o comando do Grupo Jaime, para orientar os negócios e produtos, o experimentado presidente Jaime Câmara Júnior decidiu repensar as reformas anteriores, executadas por seu filho Cristiano Câmara.

Comenta-se que Júnior Câmara teria avaliado as demissões na redação como excessivas, sobretudo porque teriam promovido um desmonte de uma equipe que funcionava. Mas as demissões são assunto superado e não se voltará atrás.

O que os executivos de “O Popular” estão discutindo é se vale a pena atender os leitores e retomar o formato standard, seguindo o estilo da “Folha de S. Paulo”, “O Globo”, “O Estado de S. Paulo” e “Correio Braziliense”, principais jornais do país.

O problema do “Pop” não é, de fato, o formato, mas seu conteúdo, que está mais pobre e desconectado das tendências modernas da internet. Mas é verdadeiro que o novo formato desagradou a maioria dos leitores.

Os executivos decidiram fazer a coisa certa: estão ouvindo pessoas do mercado, como pesquisadores, jornalistas, publicitários e especialistas em design gráfico. Não se sabe se estão surpresos, mas as informações que estão colhendo sugerem que o formato standard é mais bem-visto do que o formato germânico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.