Gal Costa, como Rita Lee, era uma cantora revolucionária. Não era uma mera cantora — era uma intérprete poderosa. Determinadas músicas, em sua afinada e inventiva voz, eram transformadas, renasciam. É como se, ao cantá-las, estivesse recompondo-as. Portanto, era uma cantora-intérprete. Caetano Veloso sabia que, ao cantar aquilo que compunha, a diva baiana criava uma arte paralela — outra canção, mais viva. Por isso apreciava compor para ela.

Ante tempos conservadores, em que qualquer rebeldia é execrada — até com demissão de professores, sob pressão da extrema direita trevosa —, Gal Costa também era revolucionária no comportamento. Num de seus shows, chocou, não a plateia que a admirava, e sim aqueles que apreciam se chocar inclusive com o belo e a liberdade de ser o que se é, ou que se pode ser. Em 1994, quando cantava a música “Brasil (de Cazuza), ela exibiu os seios. Era um ato de liberdade, de defesa da vida. Uma celebração do belo, que, quem sabe, pode salvar o mundo.

Gal Costa, cantora baiana, com os seios à mostra | Foto: Reprodução

Adriana Calcanhotto é outra grande cantora, e com formação intelectual de primeira linha — da estirpe de Caetano Veloso e Chico Buarque.

No show “Gal: Coisas Sagradas Permanecem”, na quinta-feira, 11, em São Paulo, Adriana Calcanhotto, depois de segurar uma bandeira de São Paulo, mostrou seus seios. Era uma, digamos, citação de Gal Costa, uma homenagem ao que há de belo no Brasil — determinados artistas e suas artes.

Ao exibir os seios, numa citação a Gal Costa, Adriana Calcanhotto também estava se referindo a que, para além da morte, a arte é sempre um renascimento. Pela música, que fica e reverbera, tanto Gal Gosta quanto Rita Lee estão vivíssimas. Tão vivas quanto Adriana Calcanhotto e como a grande Cássia Eller, que estou ouvindo, cada vez mais, com prazer.

No show, Adriana Calcanhotto — que é admirada em Portugal — também homenageou Rita Lee.

Aos 57 anos, Adriana Calcanhotto é uma mulher bonita e, sobretudo, uma grande cantora e intérprete.

https://twitter.com/i/status/1657000254544261124