Euler de França Belém
Euler de França Belém

A repórter Renata Costa trabalhou na Assembleia Legislativa, mas não era funcionária fantasma

Funcionários garantem que a jornalista da TV Anhanguera era vista com frequência na sede do Legislativo

A jornalista Renata Costa [foto acima, de seu Facebook] trabalhou na Assembleia Legislativa de Goiás, na assessoria de imprensa, mas não há notícia de que tenha sido funcionária fantasma. Pelo contrário, segundo dois funcionários, a repórter era vista na AL com frequência. Ela foi exonerada em 2012. Era comissionada.

Assessoria de imprensa não é crime; antes, é parte da profissão do jornalista. Portanto, se comparecia ao trabalho todos os dias, como dizem os dois funcionários, Renata Costa não cometeu crime algum.

Renata Costa, repórter da TV Anhanguera, fez uma reportagem especial sobre servidores fantasmas na Assembleia, com repercussão nacional. O assunto brilhou na internet, sobretudo a imagem da jornalista insistindo em obter informação de Edinair Maria dos Santos Moraes. Mostrando bom preparo físico, a repórter chegou a correr atrás de Edinair Maria, que, apesar de menos jovem que a jornalista, mostrou-se uma velocista insuperável.

2 respostas para “A repórter Renata Costa trabalhou na Assembleia Legislativa, mas não era funcionária fantasma”

  1. Luciano Calage Mello disse:

    Não sei qual foi a motivação que gerou dúvida a respeito do caráter de Renata Costa. Mas, veja-se, a denúncia é grave e certamente atingiu os “peixes” que nadam por aí. Sinto muito. Regime de trabalho é Lei. Ou trabalha ou não.

  2. Patrícia disse:

    Gostaria de ver todos os fantasmas sendo exonerados,agora pegar apenas uma é ridiculo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.