O prefeito de Goiânia, Rogério Cruz (Republicanos), recebeu uma batata quente: obras inconclusas e, ao contrário do que muitos pensam, às vezes sem recursos para conclui-las. Aos poucos, tem concluído as obras básicas, de interesse real para os goianienses e para a cidade. (Por sinal, o gestor municipal deveria listar o que já fez e mostrar para os moradores da capital, que talvez se surpreendam com suas ações.)

Na quarta-feira, 4, Rogério Cruz assinou a primeira ordem de serviço do programa Goiânia Adiante para construir uma unidade de saúde da família (USF) no Setor Lorena Parque. A obra tende a ficar pronta em no máximo quatro meses.

Rogerio Cruz estava acompanhando dos vereadores Clécio Alves, Isaías Ribeiro e Léa Klébia. Quando o prefeito contou o que iria fazer nos próximos dois anos, Isaías Ribeiro disse: “Então, o sr. vai precisar de mais quatro anos”.

O prefeito riu e disse: “Aí é com vocês”. O vereador Isaías Ribeiro sugeriu que Rogério Cruz vai disputar a reeleição, ou seja, precisa de mais quatro anos…