Um amigo do empresário Vanderlan Cardoso perguntou: “Por que, tendo apoiado Iris Rezende em 2010, no segundo turno, você não quis ajudá-lo na eleição deste ano?”

Vanderlan Cardoso, segundo o amigo, teria dito mais ou menos o seguinte: “Não vou pegar na alça do caixão político de Iris Rezende pela segunda vez”.

Em 2010, o líder do PSB apoiou Iris Rezende no segundo turno. E arrependeu-se.