Thiago Albernaz diz que Goiás na Frente revolucionou a forma de se fazer política

O ex-vereador aposta que ascensão de José Eliton será vertiginosa

Foto: Arquivo

Pré-candidato a deputado estadual, Thiago Albernaz — neto de Nion Albernaz —, do Solidariedade, está circulando por várias cidades de Goiás. “O que mais impressiona é como uma política municipalista, o programa Goiás na Frente, mudou a face das cidades goianas. Em todas pelas quais passei, vi obras tocadas pela prefeitura com recursos do governo do Estado. É uma revolução que ainda não mereceu uma descrição ampla e precisa.”

Thiago Albernaz frisa que, assim que o Goiás na Frente for identificado ao governador José Eliton, “com um colando no outro, nós vamos assistir uma ascensão vertiginosa de nosso pré-candidato a governador”.

As cirurgias eletivas, no terceiro turno, “vão contribuir para requalificar a saúde na capital”, afirma Thiago Albernaz. “A prefeitura faz uma gestão ineficaz na área de saúde, mas o governo do Estado é uma referência positiva tanto para os goianos quanto para moradores de outros Estados. José Eliton começa a firmar seu nome em Goiânia como um gestor preocupado com a cidade.”

José Eliton “tem”, na opinião de Thiago Albernaz, “o melhor coordenador de campanha do Estado — Marconi Perillo”. “A base é forte e nós vamos eleger José Eliton.”

O Solidariedade está instalando em mais de 200 municípios. “Acredito que, com um trabalho intenso, vou ser eleito — assim como o partido vai reeleger o deputado federal Lucas Vergílio.” Quanto a Armando Vergílio, “ainda que se trate de um grande nome, que só valoriza o partido, é provável que não seja candidato a deputado estadual. Seu objetivo é fortalecer o Lucas, um político jovem, trabalhador e criativo. Armando deve ser secretário do Trabalho”.

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.