TCE desmente Caiado sobre possibilidade de atraso salarial no Estado

Em nota, tribunal diz que lamenta o uso indevido do nome da instituição para a disseminação de informações distorcidas

Após o senador e pré-candidato ao governo de Goiás pelo DEM, Ronaldo Caiado, usar o nome do Tribunal de Contas do Estado (TCE) para disseminar a informação de que a administração estadual não tem honrado com a folha de pagamento do funcionalismo público e que podem haver atrasos nos próximos meses, o próprio tribunal encaminhou nota negando ser autor de qualquer alerta.

Caiado e líderes de oposição têm tentado vender a possibilidade de atrasos na folha de pagamento. “O TCE está dizendo que o Estado não paga os funcionários até o fim do mês”, declarou o senador recentemente em um evento na cidade de Vianópolis nesta semana.

Em nota, o tribunal afirma que lamenta o uso indevido do nome da instituição para a disseminação de informações distorcidas. Confira abaixo o comunicado na íntegra:

O Tribunal de Contas do Estado de Goiás esclarece que não partiu desta Corte de Contas qualquer alerta sobre eventual dificuldade do governo de Goiás para quitar a folha de servidores no curtíssimo prazo. O Tribunal lamenta o uso indevido do nome da instituição para a disseminação de informações distorcidas.

A Corte de Contas acrescenta que faz análises prospectivas, mas que que nenhuma delas chega a este nível de detalhamento. Portanto, o TCE-GO não tem conhecimento de qualquer previsão específica sobre a incapacidade financeira do Estado de quitar as suas obrigações relativas à folha de pagamento de julho.

TCE-GO

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.