Tayrone di Martino deverá se licenciar da Câmara Municipal em setembro

bastidores.qxd

Tayrone di Martino poderá se licenciar da Câmara em setembro | Foto: Fotos: Fernando Leite/Jornal Opção

Candidato a vice-governador na chapa pura do PT, o vereador de Goiânia Tayrone di Martino poderá deixar a vereança para se dedicar exclusivamente à campanha eleitoral. Explica-se: Tayrone teme não conseguir conciliar sua atividade na Câmara Municipal com a campanha e, por isso, pensa em se licenciar do mandato para focar nas eleições.

A questão, segundo diz o petista, é que ele não quer ficar ausente e deixar de participar das discussões e votações. Assim, ele diz que irá participar das sessões deste mês de agosto, pois tem compromissos a cumprir.

De fato, há votações importantes que podem ser colocadas em pauta neste mês. A principal delas é, talvez, a do aumento do IPTU em Goiânia. Além disso, a campanha ainda está morna e Tayrone tem se dedicado mais à região metropolitana da capital, com reuniões e caminhadas. O problema será em setembro, com o acirramento da campanha.

“Tem candidatos com mandato legislativo, inclusive deputados, que irão simplesmente abandonar. Eu não posso fazer isso. Prefiro me licenciar”, diz ele. Caso isso aconteça, quem assume a posição é Sérgio Dias, já que o primeiro suplente era Eudes Vigor, que já está exercendo mandato.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.