Pode-se garantir, com certeza absoluta, que a economista Cristiane Schmidt não será mantida na Secretaria de Economia — que tende a voltar a ter o antigo nome, Secretaria da Fazenda (Sefaz), com a possível recriação da Secretaria de Planejamento?

Henrique Moraes Ziller, controlador-geral do Estado | Foto: Reprodução

Não. Esta é a resposta menos imprecisa. O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, do União Brasil, tem apreço pela competência, integridade e coragem de la Schmidt. Nos momentos mais difíceis, nos quais era preciso adotar medidas duras, a economista nunca titubeou. É possível que se fosse uma política do Estado, com compromissos locais, tivesse recuado.

Henrique Meirelles
Henrique Meirelles, ex-ministro da Fazenda | Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Porém, o fato de Schmidt não ter sido anunciada até agora, sobretudo para uma secretaria tão cara a Ronaldo Caiado, não é um bom sinal. Mas também não quer dizer que não se trata de um nome forte.

Comenta-se a respeito de vários técnicos que podem ocupar a Secretaria da Fazenda: Ana Carla Abrão, Henrique Meirelles, Henrique Ziller e Sérvulo Nogueira.

Ana Carla Abrão: doutora em economia pela USP | Foto: Reprodução

Ana Carla Abrão

Economista, com doutorado pela USP, é cotada para o Ministério do Planejamento do governo de Lula da Silva. Já foi secretária do governo de Goiás e seu nome tem sido lembrado.

Henrique Meirelles

Engenheiro que é craque em economia, Meirelles foi presidente do Banco Central e ministro da Fazenda. Se aceitar ser secretário do governo de Goiás, poderá abrir portas em Brasília, dada sua ligação umbilical com Lula da Silva. Ele aprecia o governador Ronaldo Caiado como gestor e pessoa.

Henrique Ziller

O chefe da CGE, egresso do Tribunal de Contas da União e ligado ao futuro supersecretário da Infraestrutura, Pedro Sales, teve seu nome lembrado para a Sefaz.

Sérvulo Nogueira

A pedra no seu caminho é o Sindifisco, que não apoia sua indicação. É visto como “fechado” e “introspectivo” demais. Já chegou a ser cotado para o Planejamento. Mas há quem postule que planeja ir embora de Goiás.