Senadora Leila Barros sai do PSB e disputa governo do DF pelo Cidadania

O senador José Antônio Reguffe deve disputar a reeleição como companheiro de chapa de Leila do Vôlei

A senadora Leila Barros troca o PSB pelo Cidadania na quinta-feira, 19, e vai disputar o governo do Distrito Federal.

A filiação ao Cidadania, partido dirigido por Roberto Freire, será oficializada na Liderança do partido no Senado, às 15 horas de quinta. O partido agora três senadores.

A chapa comandada por Leila Barros — a Leila do Vôlei — possivelmente terá o senador José Antônio Reguffe como postulante ao Senado. Reguffe, filiado ao Podemos, é apontado como o favorito.

Leila Barros, senadora pelo Cidadania | Foto: Comunicação do Senado

Leila Barros vai enfrentar uma pedreira, o governador Ibaneis Rocha, do MDB. Embora desgastado, há inclusive denúncia de corrupção contra seu governo, na área de saúde, Ibaneis detém o controle da máquina e é milionário. O PSDB deve bancar o senador Izalci Lucas, que já se posiciona como radicalmente anti-Ibaneis.

A deputada federal licenciada Flávia Arruda (PL) também é cotada para a disputa do governo. Mas pode acabar refluindo e disputar a reeleição ou então a vice de Ibaneis Rocha.

Flávia Arruda teria sido esvaziada no governo Bolsonaro com a idade do senador Ciro Nogueira para a chefia da Casa Civil. Mas há quem aposte que, apesar disso, pode acabar sendo a candidata do presidente Jair Bolsonaro a governadora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.