O prefeito de Cristalina, Luiz Carlos Attié, vai tão mal que não está conseguindo articular um sucessor da cidade. Tanto que está tentando buscar um político de Luziânia para disputar a prefeitura, em 2016.

Recém-eleito deputado estadual, Diego Sorgatto (PSD) terá dificuldade para explicar ao eleitor de Cristalina porque, sendo de Luziânia, quer disputar mandato noutra cidade. Ele pode alegar que seu pai tem negócios na região. Mesmo assim, é inexplicável e, até, indefensável.

Daniel do Sindicato (PSL) não foi eleito deputado estadual, mas em Cristalina teve mais votos do que Diego Sorgatto, que fez uma campanha com muito mais estrutura e o apoio da máquina da prefeitura.